Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Matemático comprova que os hipsters são todos parecidos

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Matemático comprova que os hipsters são todos parecidos

O matemático Jonathan Touboul, professor associado da Universidade Brandeis, publicou um estudo sobre o “efeito hispter”.

Assim como o resto de nós, Jonathan Touboul percebeu que as pessoas que se esforçam para parecer diferentes acabam parecendo iguais. Ele nomeou esta observação de “o efeito hipster”.

Touboul também ofereceu uma explicação matemática para o motivo deste efeito acontecer. O estudo do matemático sobre o efeito hipster fez dele uma celebridade no mundo acadêmico, diz o jornal americano Boston Globe.

A premissa de seu trabalho foi confirmada de uma forma um tanto quanto irônica.

Ao ser publicado no MIT Technology Review, um site administrado pelo famoso Massachusetts Institute of Technology, um leitor do artigo ameaçou processar Touboul.

O motivo da ameaça de ação judicial? O leitor alegou que sua foto havia sido utilizada sem permissão para ilustrar o estudo.

Acontece que, ironicamente, a foto presente no documento não era do leitor, mas uma imagem genérica de um hipster barbudo de camisa xadrez comprada de uma agência de fotos.

“Tudo isso prova a história que publicamos: Hipsters são tão parecidos que nem eles conseguem distinguir-se uns dos outros”, disse o editor-chefe da revista Technology Review, Gideon Lichfield, em mensagem no Twitter.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email