Português   English   Español

Material irregular da campanha de Haddad apreendido em Blumenau

Material irregular da campanha de Haddad apreendido em Blumenau

Justiça Eleitoral apreende material irregular de campanha favorável a Haddad em Blumenau.

A Justiça Eleitoral apreendeu materiais de campanha favoráveis ao presidenciável Fernando Haddad (PT) que estavam sendo distribuídos nas ruas e entregues em residências por meio de mala direta dos Correios em Blumenau.

A ação atendeu mandado de busca e apreensão assinado pelo juiz eleitoral Sérgio Agenor de Aragão, depois de pedido do Ministério Público.

O MP entendeu que o material infringiria a lei eleitoral por não possuir informações como a inscrição do CPF ou CNPJ do responsável pela confecção, contratante e tiragem.

A apreensão foi feita na tarde desta quarta-feira (24) em quatro agências dos Correios da cidade de Blumenau.

No total, foram recolhidos 540 panfletos que seriam distribuídos por mala direta. As mensagens em folha branca listavam 10 situações em que Haddad teria votado “a favor do povo”, segundo o material, e Jair Bolsonaro, candidato do PSL, teria se posicionado de forma contrária.

A assinatura no material era do movimento sindical e dos movimentos sociais de Blumenau e região.

 

Adaptado da fonte NSC

Deixe seu comentário

Veja também...