- PUBLICIDADE -

Mattar critica servidores públicos municipais disputando cargos

‘Expectativa do investidor segue elevada’, diz Salim Mattar
Imagem: Amanda Perobelli/Reuters

"Deve custar R$ 1 bi a nós, pagadores de impostos, o privilégio de servidores públicos", diz Mattar.

- PUBLICIDADE -

O empresário Salim Mattar, ex-integrante do Ministério da Economia, criticou, nesta terça-feira (13), o aumento na participação de servidores públicos municipais nas eleições de 2020.

O número de funcionários públicos que concorrerão às eleições deste ano apresentou crescimento de 10,5% em comparação com o pleito de 2016.

São mais de 35 mil funcionários públicos que vão disputar alguma vaga, como noticiou a RenovaMídia.

Em mensagem no Twitter, Mattar escreveu:

“Deve custar R$ 1 bi a nós, pagadores de impostos, o privilégio de servidores públicos que se candidatam e continuam recebendo seus vencimentos sem trabalhar.”

E acrescentou:

“É um absurdo! Todos esses servidores continuarão recebendo seus salários normalmente, mesmo afastados dos cargos por três meses. É uma típica iniciativa legislativa do establishment durante os governos da social democracia.”

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -