- PUBLICIDADE -

Matteo Salvini se consagra como líder da direita na Europa

Matteo Salvini se consagra como líder da direita na Europa
- PUBLICIDADE -

“Queremos voltar a ser o que éramos antes: uma nação digna e independente”, disse uma apoiadora do vice-premiê Salvini.

O “capitão” Matteo Salvini, como é chamado o vice-premiê da Itália e líder do partido direitista Liga, voltou no último sábado (18) à sua cidade natal, Milão, para se consagrar como o paladino de uma nova Europa.

Apoiado por várias siglas direitistas de todo Velho Continente, Salvini chegou com um terço nas mãos e concluiu sua pregação com um “confio no coração imaculado de Maria para obter a vitória”.

“Salvini é nosso capitão. Conseguiu unir muita gente e recuperar o orgulho de ser italiano que havíamos perdido”, disse Elena Alessandria, uma aposentada de 60 anos que vive em Alba, norte da Itália.

“Queremos ser um país italiano, com uma moeda italiana. Queremos voltar a ser o que éramos antes: uma nação digna e independente”, acrescentou.

Para Simone De Giorgio, “em apenas dez meses Salvini conseguiu fazer o que os italianos de centro direita esperam há mais de 20 anos”.

O jovem, de 21 anos, que militava na Forza Italia (FI), partido do magnata Silvio Berlusconi, passou para a Liga há dois meses, seduzido pela política de Salvini.

“É a única força capaz de dar respostas sérias e concretas aos cidadãos”, afirma Simone, segundo a ISTOÉ.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -