Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch
Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch

MBL já pediu a invasão de Brasília e ocupação do Congresso

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
MBL já pediu a invasão de Brasília e ocupação do Congresso

Usuários das redes sociais apontaram a incoerência do MBL ao criticar os protestos do próximo domingo (26).

Em nota publicada nesta sexta-feira (17), o Movimento Brasil Livre (MBL) se distanciou dos protestos contra o Centrão e a favor do presidente Jair Bolsonaro.

Para o movimento, alguns dos grupos por trás das manifestações são radicais e tramam contra a democracia.

Para justificar a denúncia, o MBL apontou as hashtags #Artigo142Já e #OPovoVaiInvadirOCongresso como “pautas antirrepublicanas”.

Usuários das redes sociais apontaram a incoerência do MBL ao criticar os protestos do próximo domingo (26).

Antes de conseguir colocar membros dentro da política brasileira, o movimento, que está cada vez mais alinhado ao establishment, organizou atos com pautas bastante semelhantes.

Em 2 de maio de 2015, por exemplo, o MBL convocou um protesto intitulado “Ocupação do Congresso Nacional”. Segundo publicação no Facebook, o movimento disse que o “Brasil vai invadir Brasília”.

O Brasil vai invadir Brasília!Monte sua caravana, compre sua passagem, marche conosco. Dia 27 de Maio será o dia D para a saída do PT do Poder.

Posted by MBL – Movimento Brasil Livre on Saturday, May 2, 2015

Já nesta noite de sexta, pouco mais de 4 anos depois, Renan Santos, coordenador nacional do MBL, disse que o movimento “nunca se aliará a grupos que não respeitam o Estado Democrático de Direito”.

“Não andamos com golpistas. Olavo e os seus destruíram o governo Bolsonaro; agora querem destruir a direita — e o Brasil”, acrescentou Santos, segundo a RENOVA.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Comentários

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Outras Notícias