- PUBLICIDADE -

Médico brasileiro preso no Egito divulga pedido de desculpas

Médico brasileiro preso no Egito divulga pedido de desculpas
- PUBLICIDADE -

“Eu estou gravando esse vídeo para pedir desculpas”, diz médico.

O médico brasileiro, Victor Sorrentino, foi preso, dias atrás, no Cairo, capital do Egito, por assediar verbalmente uma vendedora egípcia em Gizé.

Neste sábado (5), Sorrentino divulgou nas redes sociais um vídeo pedindo desculpas ao lado da vítima do assédio. 

Acompanhado de um tradutor em árabe, o médico declarou:

“Meu nome é Victor Sorrentino, eu estou gravando esse vídeo para pedir desculpas por ter errado em gravar um vídeo sem autorização da senhorita e falando palavras feias. Quero deixar claro que tenho o maior respeito pelo povo egípio em geral, especialmente as mulheres egípcias.”

E acrescentou:

“Eu peço a minha mais sinceras desculpas a senhorita Him.”

A vendedora respondeu dizendo que aceita as desculpas do médico brasileiro:

“Como  eu represento as mulheres e o povo egípicio, como somos um povo hospitaleiro e carinhoso que recebemos a todos os visitantes de todas as partes do mundo. Para mim é suficiente que ele peça desculpas e eu vou aceitar suas desculpas.”

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -