Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Membros da Lava Jato se tornam réus em ação sobre outdoor

CNMP rejeita processo contra procurador Deltan Dallagnol
Imagem: Heuler Andrey/O Globo
COMPARTILHE

Dallagnol e Castor de Mattos são um dos dois procuradores da Lava Jato alvos da ação popular.

Uma ação popular, que questiona a instalação de outdoor com propaganda da força-tarefa da Lava Jato, transformou membros e ex-membros da operação em réus. 

Os procuradores Deltan Dallagnol — coordenador da operação no Paraná — e Diogo Castor de Mattos — que teria confessado a contratação da peça a outros procuradores via Telegram — estão entre os 16 intimados a prestar esclarecimentos.

As empresas Outdoormídia e U P Painéis também são rés, segundo o site Poder360.

O documento foi assinado pelo juiz federal da 3ª Vara Federal de Curitiba, Marcus Holz, no dia 29 de janeiro deste ano.

Em março de 2019, o outdoor celebrando os 5 anos da Lava Jato foi instalado na saída do Aeroporto Internacional Afonso Pena, em Curitiba

Representantes do Coletivo Advogadas e Advogados pela Democracia (Caad) entenderam que a propaganda consistia em “publicidade em louvor próprio” e feria moralidade e a impessoalidade da administração pública.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários