- PUBLICIDADE -

Mendonça diz ao STF que compartilharia relatório sobre “antifascistas”

Mendonça diz ao STF que compartilharia relatório sobre “antifascistas”

“Houvesse tal determinação, certamente seria cumprida de imediato”, diz Mendonça.

- PUBLICIDADE -

O ministro da Justiça e Segurança Pública, André Mendonça, informou a ministra do Supremo Tribunal Federal (STF), Cármen Lúcia, que cumpriria “de imediato” uma eventual determinação da Corte para apresentar um relatório de inteligência elaborado pela Secretaria de Operações Integradas (Seopi).

O documento monitorou servidores públicos membros de autodenominados movimentos “antifascistas”. 

Mendonça, inclusive, já enviou cópia do documento ao Congresso Nacional e mandou a Polícia Federal (PF) investigar o vazamento do relatório, como noticiou a RenovaMídia.

Em ofício endereçado à ministra, segundo o jornal Estadão, Mendonça afirmou:

“Especificamente em relação à ADPF 722, esclareci aos senhores parlamentares que não houve qualquer descumprimento de ordem do Supremo Tribunal Federal, uma vez que o despacho de Vossa Excelência, que requisita informações, não determinou a apresentação de qualquer relatório de inteligência. Houvesse tal determinação, certamente seria cumprida de imediato.”

O caso vai ser analisado pelo plenário do Supremo na próxima quarta-feira.

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -