Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch
Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch

Merkel preocupada com espionagem de empresas da China

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Merkel preocupada com espionagem de empresas da China

Merkel citou o grande debate na Alemanha sobre a conveniência de usar telefones da Huawei, enquanto crescem os alertas sobre a espionagem chinesa.

A chanceler alemã Angela Merkel pediu nesta terça-feira (5) mais medidas para garantir que as empresas chinesas não fornecem dados privados ao regime comunista em Pequim.

A declaração de Merkel acontece em um momento de inquietação com os dispositivos da fabricante chinesa Huawei.

O governo da Alemanha vem demonstrando prudência até o momento. O organismo de supervisão da tecnologia do país indicou que não observou provas de que a Huawei utilize seus produtos para espionar a serviço da China.

Merkel, no entanto, afirmou que é necessário conversar com Pequim para “assegurar que a empresa não entrega todos os dados de uso ao Estado chinês, mas há salvaguardas”.

Segundo o Correio Braziliense, as salvaguardas, disse Merkel, devem servir para garantir que “quando você trabalha na Alemanha o Estado chinês não pode acessar os dados de todos os produtos chineses”.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email