Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

México quer ajuda do Brasil para conter imigrantes ilegais

Tarciso Morais

Tarciso Morais

México quer ajuda do Brasil para conter imigrantes ilegais
COMPARTILHE

“Se as medidas que estamos propondo não tiverem sucesso, teremos que discutir com os EUA e com outros países como Guatemala, Panamá e Brasil”, disse o chanceler do México sobre a imigração ilegal.

O México e os Estados Unidos estão cogitando ações adicionais para restringirem a imigração ilegal saída da América Central.

Uma das medidas discutidas envolve esforços de Brasil, Panamá e Guatemala para combater o problema, disse o ministro das Relações Exteriores mexicano, Marcelo Ebrard.

Ebrard afirmou, nesta segunda-feira (11), que algumas medidas podem ser necessárias se o acordo com o governo Donald Trump não conseguir reduzir em 45 dias o número de imigrantes ilegais.

O acordo evitou a imposição de tarifas sobre as importações de todos os bens mexicanos. Ebrard acrescentou que Trump se referiu a possíveis medidas adicionais para pressionar outros países que não os EUA para que estes dividam o fardo.

Segundo o jornal Estadão, o chanceler mexicano declarou:

“Se as medidas que estamos propondo não tiverem sucesso, teremos que discutir com os EUA e com outros países como Guatemala, Panamá e Brasil. Se tivermos que participar de um modelo regional como o que acabei de descrever, teríamos que apresentar isso ao Congresso.”

Ainda de acordo com o jornal, alguns migrantes que abandonam países africanos costumam voar para o Brasil antes da árdua jornada rum ao Norte.

Embora não tenha entrado em detalhes, Ebrard sugeriu que os requerentes de asilo poderiam ter que procurar refúgio no primeiro país a que chegaram depois de deixarem sua terra natal.

- PUBLICIDADE -
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM
Error: Embedded data could not be displayed.