Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Facebook expulsa mídia direitista InfoWars da rede social

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

O Facebook baniu a mídia direitista InfoWars permanentemente da rede social nesta segunda-feira (6).

O site da InfoWars recebe aproximadamente 10 milhões de visitas mensais, tornando-o mais visitado do que alguns sites de notícias como The Economist e Newsweek.

A justificativa utilizada pela gigante tecnológica foi a propagação de um suposto “discurso de ódio”, mas a rede social sequer indicou quais eram os posts ofensivos da InfoWars.

“Isso estabelece um precedente assustador para a liberdade de expressão”, declarou o editor-chefe da mídia direitista Paul Joseph Watson (PJW).

O perfil da Wikileaks no Twitter criticou a decisão do Facebook.

Infowars diz que foi banido pelo Facebook por “discurso de ódio” não especificado. Independentemente dos fatos neste caso, a capacidade do Facebook de censurar editores rivais é um problema global antitruste que, junto com o imperialismo cultural de São Francisco, reduz a diversidade política.

“Para todos os outros meios de comunicação conservadores – você é o próximo. O grande expurgo da censura realmente começou”, alertou PJW.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email