Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Ministério da Agricultura busca modernização da inspeção internacional

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Ministério da Agricultura busca modernização da inspeção internacional

Entre as medidas estão a automação de operações de gerenciamento de risco e a emissão eletrônica de certificados de exportação.

O Ministério da Agricultura busca simplificar e modernizar os procedimentos de controle e fiscalização de produtos de interesse agropecuário para exportação e importação nas unidades do Sistema de Vigilância Agropecuária Internacional (Vigiagro), em todos os estados do Brasil.

Segundo a pasta, além de agilizar o processo de análise documental, de gerenciamento de riscos e liberação das cargas que entram e saem do país, a informatização do sistema visa minimizar o impacto causado pela redução no número de agrônomos, veterinários e agentes nos portos, aeroportos e estações de fronteira do país, informa o Canal Rural.

Fernando Mendes, secretário adjunto de Defesa Agropecuária, declarou:

“Se é importante controlar importações e exportações para evitar a entrada de pragas e doenças e para continuar vendendo produto de qualidade, com segurança no cenário internacional, temos que fazer isso de forma mais eficiente e inteligente.”

O secretário ressaltou que o ministério já vem se preparando há dois anos para ampliar a informatização do sistema em articulação com a Receita Federal, a Secretaria de Comércio Exterior (Secex), o setor privado, o Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (IBICT), entre outras instituições.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Comentários

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Outras Notícias