- PUBLICIDADE -

Ministério nega autenticidade de mensagens de Moro sobre FHC

Ministério nega autenticidade de mensagens de Moro sobre FHC
- PUBLICIDADE -

Ministério ressalta que o ministro “não reconhece a autenticidade de supostas mensagens obtidas por meios criminosos”.

O Ministério da Justiça e Segurança Pública divulgou nota na noite desta terça-feira (18) negando conversas entre o ex-juiz federal Sergio Moro e procuradores da Lava Jato sobre investigação contra o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.

De acordo com nova reportagem do site The Intercept, Moro teria repreendido o procurador Deltan Dallagnol por dar andamento a uma investigação contra FHC.

Segundo a assessoria de Moro, “nunca houve interferência no suposto caso envolvendo o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, que foi remetido diretamente pelo Supremo Tribunal Federal (STF) a outro Juízo, tendo este reconhecido a prescrição”.

Além disso, o ministério ressalta que “a atuação do ministro como juiz federal sempre se pautou pela aplicação correta da lei a casos de corrupção e lavagem de dinheiro”, registra o site Metrópoles.

Nesta quarta-feira (19), Moro participará de audiência na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado Federal, às 9h.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -