Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Ministro da Defesa do Brasil debate Venezuela nos EUA

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Ministro da Defesa do Brasil debate Venezuela nos EUA

Brasil e EUA reconhecem o presidente da Assembleia Nacional venezuelana, o opositor Juan Guaidó, como presidente interino.

O ministro da Defesa do Brasil, general Fernando Azevedo e Silva, conversou sobre o colapso da Venezuela, nesta terça-feira (26), com o assessor de Segurança Nacional da Casa Branca, John Bolton.

Em entrevista coletiva com a imprensa após a reunião, o general Azevedo e Silva afirmou:

“Conversamos sobre vários assuntos, esse foi um deles. Sobre a situação da Venezuela, que não é uma situação normal.”

E, segundo o Estado de Minas, acrescentou:

“As Forças Armadas brasileiras, no meu pensamento, esperam ter uma solução pacífica em relação à Venezuela, mas que se resolva isso, porque estamos há mais de um ano com a Operação Acolhida na fronteira do Brasil com a Venezuela.”

Questionado sobre o apoio do Brasil à uma intervenção militar na Venezuela, o ministro afirmou que a conversa foi “franca e oportuna”:

“Não comentamos sobre apoio logístico. Eu lembrei para ele a nossa Operação Acolhida, que é pouco divulgada, mas a própria ONU acha o cartão de visitas de uma ajuda humanitária. Nós estamos lá há mais de um ano, são 600 militares envolvidos nisso. É bom ver como acolhemos o povo venezuelano, com atendimento médico, alimentação, com materiais, levamos para o interior do Brasil. Essa logística nós já fazemos, estamos presentes na fronteira.”

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email