Português   English   Español

Ministro não descarta novas usinas hidrelétricas na Amazônia

Ministro não descarta novas usinas hidrelétricas na Amazônia
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Brasil está aberto a avaliar novos projetos hidrelétricos na região da Amazônia, mas a decisão por eventuais empreendimentos tem que se basear em uma análise técnica.


A declaração foi feita nesta segunda-feira (25) pelo ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, que criticou o que apontou como interferência “ideológica” em processos de licenciamento ambiental.

Ao falar durante seminário da Associação Brasileira de Relações Institucionais (Abrig), Salles declarou:

“É importante lembrar: licenciamento ambiental não é um instrumento para dizer não. Ele é um instrumento para dizer em que condições sim.”

Segundo o ministro, o trabalho do Ibama é pesar benefícios e riscos de cada projeto para ao final da análise decidir se há medidas que possam ser impostas para mitigar os riscos, permitindo o avanço do empreendimento.

Salles reconheceu que a Amazônia é uma região “sensível” devido à sua biodiversidade, ressaltando ainda que a construção de hidrelétricas ali não deve ser analisada da mesma maneira que em outras regiões do país.

O ministro ainda criticou decisões de governos anteriores em processos de licenciamento ambiental, que segundo ele foram baseadas em “dogmas” e em uma visão “completamente ideológica”, o que teria na prática prejudicado o meio ambiente, informa a agência Reuters.

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...