PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Miranda pedirá prisão de Onyx à CPI da Pandemia

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Parlamentar do DEM vai depor à CPI nos próximos dias.

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

O deputado Luís Miranda (DEM-DF) pedirá à CPI da Pandemia a prisão de Onyx Lorenzoni, ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência.

Solicitei que a CPI peça a prisão do Onyx por coação de testemunha”, afirmou Miranda, na noite desta quarta-feira (23), segundo o site Metrópoles.

Mais cedo, Onyx disse que o governo do presidente Jair Bolsonaro mandou a Polícia Federal (PF) investigar o deputado e seu irmão, Luis Ricardo Miranda, por denunciação caluniosa.

O irmão do congressista é um servidor do Ministério da Saúde que apontou supostas irregularidades no acordo de compra da vacina Covaxin, da Índia.

Na próxima sexta-feira, os irmãos Miranda vão falar à CPI da Pandemia.

Ainda segundo o site, Miranda acrescentou:

“Estou preparando o pedido para que o STF, bem como a CPI, avaliem se as palavras de Onyx não foram palavras claras de ameaça para coagir as testemunhas e com o objetivo de ficarmos calados na CPI. Se for o caso, vamos pedir a prisão dele.”

E completou:

“Não vou me sentir coagido, não. Vou botar ele na cadeia. Se ele tentar me ameaçar de novo, vou procurar todas as autoridades para que isso aconteça.”

Como noticiou a Renova, o deputado Luís Miranda e seu irmão, Luis Ricardo Miranda, servidor do Ministério da Saúde, vão depor à CPI da Pandemia na próxima sexta-feira (25).

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.