Montezano prioriza ‘caixa-preta’ do BNDES para mostrar patriotismo

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Gustavo Montezano fez discurso em cerimônia nesta sexta-feira (19) para assumir cargo no Rio.

O novo presidente do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), Gustavo Montezano, afirmou que pretende explicar ao povo brasileiro a “caixa-preta” da instituição para mostrar que é patriota.

Nesta sexta-feira (19), em discurso no teatro do banco, Montezano declarou:

“Vamos explicar a ‘caixa-preta’ para a população brasileira. O banco está sendo atacado. Questionam a capacidade do banco, o patriotismo, precisamos virar essa página. Explicar tudo o que tiver, abrir toda informação que o brasileiro quiser ver, e aí vamos virar essa página, pois existe essa nuvem cinza em cima do banco.”

Enquanto discursava, o presidente mostrava em um telão diversas manchetes de sites abordando o tema “caixa-preta do BNDES”:

“Isso é um marco zero da nossa estratégia. Vamos mostrar que somos sim patriotas e transparentes e mostrar um banco de serviço.”

Ele tomou posse na última terça-feira (16), em Brasília, mas, segundo o jornal Folha, participou de nova cerimônia nesta sexta-feira com a presença de família, amigos, imprensa, funcionários e convidados.

Em tom esperançoso, Montezano completou:

“Menos banco, mais desenvolvimento. O BNDES deve ser sustentável e não necessariamente lucrativo. Atuação complementar e pioneira, não competir onde o privado pode atuar. O banco conhece o estado como poucos, às vezes melhor que o próprio estado. E vamos acelerar o estado com privatizações e concessões financeiras. Quando interage com o estado não pode pensar no lucro, e sim no que vai acontecer com o povo daqui a 10 anos.”

Em live no Facebook, na noite desta quinta-feira (18), o presidente da República, Jair Bolsonaro, disse que em no máximo até setembro a caixa-preta da instituição financeira será aberta para o público.

Ao lado do ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, e do deputado federal Helio Lopes (PSL-RJ), Bolsonaro declarou:

“Então, Motezano vai abrir essa caixa-preta, inclusive, inclusive, pessoas físicas. Pessoal comprou aviãozinho aí, de R$ 20 milhões. Tá legal? Estou dando o recado aí? Via da peixada, com o BNDES no meio da parada.”

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.