PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Moradores de rua em Nova York: fotos revelam expansão

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Pandemia gerou uma alta concentração de moradores de rua em Nova York.

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

As mudanças de emergência para diminuir a aglomeração em abrigos da cidade de Nova York em meio à pandemia provocaram um alto fluxo de moradores de rua no centro de Manhattan.

Pessoas com problemas de saúde mental e usuários de drogas tornaram-se uma presença crescente no icônico bairro Hell’s Kitchen e na adjacente Times Square.

Foto: REUTERS/Shannon Stapleton

Enquanto a cidade espera voltar a receber turistas e empresários após os piores momentos da pandemia, os moradores locais dizem que há uma diferença notável entre a Nova atual e aquela de antes da adoção do lockdown.

Enquanto a pandemia se alastrava, o Departamento de Serviços aos Desabrigados (DHS) dos Estados Unidos transferiu 10 mil pessoas que moravam em abrigos lotados para 67 hotéis cujas reservas estavam zeradas.

Foto: REUTERS/Shannon Stapleton

Em uma região que inclui a famosa Times Square, os relatos de furtos e roubos aumentaram 185% e 173% respectivamente até agora este ano, de acordo com o Departamento de Polícia de NY (NYPD).

Segundo a agência Reuters, o prefeito de NY, Bill De Blasio, anunciou, nesta quarta-feira (16), que, até o final de julho, a cidade vai realocar para os abrigos cerca de 8 mil moradores sem-teto que ainda vivem em 60 hotéis temporários.

Foto: REUTERS/Shannon Stapleton
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.