Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch
Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch

Moraes dá 48 horas para PF a entregar material hackeado ao STF

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Moraes dá 48 horas para PF a entregar material hackeado ao STF
Imagem: José Cruz/Agência Brasil

A decisão ocorre no âmbito de um inquérito aberto em março para apurar fake news e ameaças contra integrantes do STF.

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, ordenou o envio à Corte de “cópia integral do inquérito e de todo o material apreendido” pela Polícia Federal (PF) na Operação Spoofing, que investiga a ação de um grupo hacker contra celulares de autoridades brasileiras.

O prazo designado para o encaminhamento do inquérito de hackers e do material é de 48 horas, segundo o jornal Folha.

A decisão de Moraes acompanha o posicionamento do seu colega de STF, Luiz Fux, que determinou, também nesta quinta-feira, 1º de agosto, a preservação das mensagens colhidas com os hackers.

Moraes utilizou como argumento para a decisão a divulgação de reportagem da parceria Intercept-Folha contendo mensagens hackeadas onde o procurador-chefe da Lava Jato, Deltan Dallagnol, teria supostamente incentivado colegas a investigar o presidente do Supremo, Dias Toffoli.

“Diante de notícias veiculadas apontando indícios de investigação ilícita contra ministros desta Corte [STF], expeça-se ofício ao juízo da 10a Vara Federal Criminal de Brasília solicitando cópia integral do inquérito e de todo o material apreendido” na operação, determinou Moraes. ​

Fux atendeu a um pedido do Partido Democrático Trabalhista (PDT) para proibir um possível descarte das mensagens.

Além de proibir a destruição das mensagens, o magistrado também pediu acesso a todo o material, que passará aos cuidados do STF de forma sigilosa.

Fux determinou que o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, seja informado da decisão “com urgência, por meio que garanta máxima celeridade” para prestar informações sobre o caso em cinco dias. A PF tem o mesmo prazo para remeter o material ao Supremo.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email