PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Morales tentou aplicar um golpe, diz presidente interina da Bolívia

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Presidente interina da Bolívia garantiu que Morales não estará habilitado para participar das novas eleições. 

Jeanine Áñez, presidente interina da Bolívia, afirmou, nesta quinta-feira (14), que Evo Morales foi o único que buscou dar um golpe no país através de fraudes nas eleições realizadas no dia 20 de outubro.

Em entrevista coletiva, segundo a agência EFE, Jeanine garantiu ter acontecido uma “fraude descarada, uma verdadeira vergonha”, no pleito em que Morales venceu o oposicionista Carlos Mesa em primeiro turno.

Além disso, a presidente interina também lembrou que Morales, que renunciou no último domingo, não respeitou um referendo que negou a ele, em 2016, a possibilidade de tentar um quarto mandato.

Jeanine garantiu que, a partir desta sexta-feira (15), o novo governo começará os trabalhos para fazer com que os bolivianos voltem às urnas em um processo “transparente”.

A presidente interina, de antemão, já garantiu que Morales não estará habilitado para participar das novas eleições. 

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.