Português   English   Español
Português   English   Español

Moro diz que imprensa interpretou errado fala sobre caixa dois

Moro diz que imprensa interpretou errado fala sobre caixa dois
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Moro está em Paris para uma reunião do reunião do Grupo de Ação Financeira (GAFI), organismo de combate a crimes contra o sistema financeiro.

O ministro da Justiça, Sérgio Moro, negou nesta quinta-feira (21) que exista contradição entre suas falas como ministro e como juiz a respeito da gravidade da prática de caixa dois.

Moro ressaltou que houve “má interpretação” da imprensa sobre suas declarações.

Segundo a Folha, o ministro afirmou:

“Houve uma má interpretação da imprensa. O que eu disse no passado foi que, quando o dinheiro da propina era dirigido ao financiamento ilegal de campanha, era pior do que [quando gera] enriquecimento ilícito. Caixa dois não é corrupção, é outro crime. Corrupção pressupõe contrapartida. Ambos são graves, e o governo toma posição firme em relação aos dois, diferentemente de qualquer outro [antes].”

Moro voltou a afirmar que a compartimentação do pacote atendeu a pedidos do mundo político, sem especificar sua origem exata:

“São diversas solicitações, sem voz específica. O que importa é o governo trabalhando para aprovar medidas eficazes contra corrupção, crime organizado e crime violento. Dentre elas, encontra-se a criminalização do caixa dois. O resto é conversa.”

O projeto anticrime elaborado pelo por Sergio Moro foi enviado ao Congresso Nacional na última terça-feira (19). O projeto recebeu um amplo apoio das redes sociais, como noticiou a RENOVA.

Compartilhe...

Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
Share on reddit
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...