- PUBLICIDADE -

Moro facilita entrada de crianças e adolescentes venezuelanos

Moro facilita entrada de crianças e adolescentes venezuelanos
- PUBLICIDADE -

A documentação exigida para menores de idade tentando entrar no Brasil será menos rígida do que em procedimentos normais.

Em meio ao alto número de refugiados da ditadura de Nicolás Maduro na Venezuela, o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, editou uma portaria que facilita a entrada de crianças e adolescentes no Brasil.

A norma permite à Defensoria Pública definir sozinha a condição de “desacompanhado” ou “separado” de migrantes menores de idade tentando entrar no território brasileiro, informa a Crusoé.

A Organização dos Estados Americanos (OEA) estima que o número de cidadãos fugindo da Venezuela será de 5,4 milhões ao fim de 2019 por conta da crise.

O relatório divulgado pela OEA traz números atualizados de venezuelanos em países vizinhos. Segundo o Poder 360, há 1,2 milhão na Colômbia, 700 mil no Peru, 265 mil no Chile, 220 mil no Equador, 130 mil na Argentina e 100 mil no Brasil.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -