Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Moro fala em ‘reiteradas tentativas de interferência na PF’

Juiz libera evento anti-Moro em universidade no Rio
Imagem: Marcos Corrêa/PR
COMPARTILHE

“Até minha demissão, não permiti que essas tentativas prosperassem”, diz Moro. 

Trechos de entrevistas recentes do ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, passaram a circular na internet após seu pedido de demissão.

Nos vídeos, Moro destaca que a Polícia Federal (PF) tinha independência no governo Jair Bolsonaro.

Em uma das entrevistas, no programa “Roda Viva”, da TV Cultura, em 20 de janeiro de 2020, Moro disse que “nunca houve qualquer interferência indevida do presidente” na PF. 

Em outra entrevista, concedida em 11 de março à emissora GloboNews, o então ministro afirmou que “a PF tem trabalhado com a autonomia que tem sido garantida a ela”.

Questionado pela colunista Bela Megale, do jornal O Globo, sobre essas declarações, Moro respondeu que a situação àquela altura ainda estava sob controle, mas o cenário mudou:

“É fato notório, afirmado pelo próprio presidente da República, suas reiteradas tentativas de interferência na PF, com troca de superintendentes e do diretor-geral. Até minha demissão, não permiti que essas tentativas prosperassem.” 

E acrescentou:

“Então, as entrevistas de janeiro e março sobre o presidente não interferir na PF eram verdadeiras, mas não são mais.”

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários