Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

Moro nega autenticidade de mensagens divulgadas pela Folha

Tarciso Morais

Tarciso Morais

COMPARTILHE

“A invasão criminosa de celulares de autoridades públicas é objeto de investigação pela Polícia Federal”, afirma Moro.

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, comentou, neste domingo (23), o conteúdo de uma suposta troca de mensagens com o procurador da República, Deltan Dallagnol, envolvendo as planilhas da Odebrecht.

Em parceria com o site The Intercept, uma nova leva mensagens foi publicada pelo jornal Folha de S. Paulo também neste domingo.

Em nota, a assessoria de Moro afirmou:

“O ministro da Justiça e Segurança Pública não confirma a autenticidade de mensagens obtidas de forma criminosa e que podem ter sido editadas ou adulteradas total ou parcialmente.”

E acrescentou:

“Repudia ainda a divulgação de suposta mensagem com o intuito único de gerar animosidade com movimento político que sempre respeitou e que teve papel cívico importante no apoio ao combate à corrupção.”

O ministro completou:

“A invasão criminosa de celulares de autoridades públicas é objeto de investigação pela Polícia Federal.”

- PUBLICIDADE -
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM
Error: Embedded data could not be displayed.