Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

Moro no governo Bolsonaro foi um ‘equívoco’, diz Dallagnol

Tarciso Morais

Tarciso Morais

OAB quer afastamento temporário de Moro e Dallagnol
COMPARTILHE

“Eu entendo que foi um equívoco”, diz Dallagnol sobre Moro no governo.

O procurador da República, Deltan Dallagnol, desaprovou, nesta terça-feira (7), o fato de Sergio Moro ter aceitado o convite do presidente da República, Jair Bolsonaro, para fazer parte do governo. 

Em entrevista ao portal UOL, o coordenador da operação “Lava Jato”, em Curitiba, declarou:

“Considerando um privilégio de visão retrospectiva, considerando o mundo que aconteceu, eu entendo que foi um equívoco. Acabou sendo ruim no sentido de que não foi possível gerar as mudanças [anticorrupção] que podia gerar.”

Dallagnol ainda criticou a atuação do governo federal:

“Quando eu olho a atuação da presidência, também vejo que suas palavras de compromisso na campanha não corresponderam a atos seguintes.”

O procurador completou:

“Esperávamos que tivesse um apoio ao pacote anticrime, mas ele foi drenado na parte anticorrupção. Esperávamos que tivesse um apoio a regra de prisão em segunda instância. Pelo contrário, vemos ataques à democracia e a imprensa como instituições.”

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM