Mourão diz que atentado a Bolsonaro ajudou a conquistar indecisos

Twitter
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

Internado na UTI do Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo, Jair Bolsonaro deve ficar fora das ruas, pelo menos, até o fim do primeiro turno, por orientação médica. Os médicos também desaconselharam qualquer tipo de comunicação falada.

O ataque a faca ao candidato a presidente Jair Bolsonaro (PSL) durante um ato de campanha em Juiz de Fora (MG), ajudou-o a conquistar o voto de eleitores indecisos e aumentar o índice de intenção de votos para 26%, como apontou a última pesquisa Datafolha, divulgada nesta sexta-feira (14).

Foi o que afirmou o candidato a vice-presidente na chapa de Bolsonaro, general Hamilton Mourão (PRTB), durante entrevista concedida em um hotel de Manaus, onde palestrou para apoiadores, empresários e profissionais liberais da região, na noite desta sexta.

O militar analisou:

Há uma onda positiva em relação a Bolsonaro desde antes desse atentado. Mas julgo que alguns eleitores que talvez estivessem indecisos, a partir do momento em que ocorreu essa tragédia, sentiram que esse seria o caminho mais natural de escolha.

 

Adaptado da fonte Folha
Twitter
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

Isso também pode te interessar

Deixe seu comentário

Anunciante
e-consulters
Parceiro

Assine nossa Newsletter!

Preencha o formulário para assinar.

Nome Email
newsletter

Últimas publicações