Mourão rebate críticas após sugerir nova Constituição

Twitter
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

O general da reserva Hamilton Mourão, vice na chapa de Jair Bolsonaro (PSL), reagiu às críticas que recebeu por dizer que a Constituição não precisa ser feita por pessoas eleitas.

Dias atrás, o general Mourão disse ser a favor de uma constituição elaborada por “notáveis” e aprovada em plebiscito pela população.

Mourão disse que sempre fala em suas palestras que existe um consenso dos pensadores brasileiros que a Carta de 88 é um problema.

Ele declarou:

Seria muito bom que pudéssemos trocá-la. Mas, todo mundo sabe muito bem que o presidente da República, por si só, não tem esse poder. As pessoas têm de ter consciência disso. O pessoal não gosta, acha um absurdo, mas eu tenho direito de externar a minha opinião.

O general rebateu às críticas:

Não sei por que eu sou antidemocrático. Mas, tudo bem, deixa pra lá. É um carimbo que querem colocar em mim, que eu rejeito.

E acrescentou:

Se eu fosse antidemocrático, não estaria participando de uma eleição. Estaria limpando as armas e aguardando o momento.

 

Adaptado da fonte Jornal do Brasil
Twitter
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

Isso também pode te interessar

Deixe seu comentário

Anunciante
e-consulters
Parceiro

Assine nossa Newsletter!

Preencha o formulário para assinar.

Nome Email
newsletter

Últimas publicações