Português   English   Español

Movimento quer defender homens vítimas de falsas acusações

A percepção de que é muito perigoso ser um homem na era do #MeToo ganhou força durante o debate sobre a nomeação do novo juiz à Suprema Corte americana Brett Kavanaugh.

O que jogou mais lenha na fogueira foi uma tirada sarcástica do presidente Donald Trump e o tuíte de uma mãe aparentemente superprotetora que acabou viralizando na rede.

No dia em que Brett Kavanaugh prestou juramento como juiz da Suprema Corte, a mãe de Pieter Hanson postou uma mensagem na rede social comparando a situação do jurista – que negou vigorosamente as alegações de agressão sexual – aos desafios que seu filho de 32 anos enfrenta para encontrar uma namorada.

Usando hashtag #HimToo, ela disse que seu filho estava evitando sair com mulheres “devido ao clima atual de falsas acusações sexuais de feministas radicais com um machado pronto para ser usado”.

Para enfatizar seu ponto de vista, ela postou uma foto do jovem de boa aparência e um sorriso angelical, posando em seu uniforme azul da Marinha.

O post imediatamente viralizou, inspirando centenas de memes zombeteiros, a maioria deles se divertindo com as preocupações aparentemente exageradas da mãe de Pieter Hanson.

Pieter respondeu rapidamente postando uma nova foto sua, com a mesma pose, só que usando camisetas e jeans.

“Às vezes as pessoas que amamos fazem coisas que nos machucam sem perceber”, tuitou ele, respondendo gentilmente a sua mãe tão ansiosa. “Eu respeito o #BelieveWomen. Eu nunca vou apoiar o #HimToo”.

Em uma série de aparições subsequentes na TV, Hanson, acompanhado por seu irmão Jon, abordou o assunto com bom humor.

O próprio presidente dos Estados Unidos tratou do tema no início deste mês ante os repórteres na Casa Branca.

“É uma época muito assustadora para os rapazes nos Estados Unidos, onde você pode ser acusado de algo de que talvez não seja culpado”, disse Trump.

 

Adaptado da fonte AFP

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

Deixe seu comentário

Veja também...