Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

MP denuncia 53 policiais acusados de integrar PCC

MP denuncia 53 policiais acusados de integrar PCC
COMPARTILHE

De acordo com investigação do Ministério Público, os policiais libertavam bandidos presos, informavam sobre operações e alteravam documentos para evitar prisões.

Um grupo de 53 policiais militares foi denunciado pelo Ministério Público de São Paulo por suspeita de integrar a facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC).

O promotor Cláudio Henrique Bastos Giannini afirmou que eles “passaram a integrar o PCC e praticaram diversos crimes tais como: concussão, corrupção passiva, falsidade ideológica, violação de sigilo funcional, além do crime de associação ao tráfico de drogas”.

A denúncia foi apresentada na segunda-feira (4) e tornada pública nesta terça-feira (5), registra o EL PAÍS.

De acordo com o Ministério Público:

“O papel dos PMs dentro da organização [PCC] era não reprimir a prática do delito de tráfico, facilitá-lo, informando acerca de alguma operação policial pelo local e até mesmo alterando a verdade em documentos públicos para evitar prisões.”

Em troca do auxílio, os policiais cobravam da organização criminosa uma quantia em dinheiro que podia chegar a até 50.000 reais, dependendo do volume da ajuda.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários