Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

MP do Contrato Verde Amarelo pode caducar no Senado

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Senado estuda formas de derrubar o Presidente sem impeachment
COMPARTILHE

MP proposta pelo governo Bolsonaro perderá validade se não for votada no Senado até segunda-feira.

Davi Alcolumbre, presidente do Senado Federal, retirou a medida provisória (MP) que cria o chamado Contrato Verde e Amarelo da pauta da sessão remota desta sexta-feira (17). 

A decisão foi tomada devido à manifestação de líderes contra a votação do texto em sessão virtual.

Caso não seja aprovada pelo Congresso Nacional até segunda-feira, 20 de abril, a MP proposta pelo governo Jair Bolsonaro perderá a validade.

Segundo o portal G1, Alcolumbre declarou:

“Não tenho dúvida de que não temos condição de votar esta medida provisória hoje. Isso nós não temos dúvida. Essa foi a MP que teve o maior número de emendas na história do Congresso. Onze líderes se manifestaram para não votar hoje nem na segunda, e dois para retirar de hoje e colocar na segunda.”

Alcolumbre garantiu que haverá sessão na segunda. O parlamentar do DEM afirmou, contudo, que não vai incluir de antemão a MP na pauta deste dia.

- PUBLICIDADE -
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM
Error: Embedded data could not be displayed.