Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

MP pede que Aécio devolva mais de 11 milhões gastos com voos

MP pede que Aécio devolva mais de 11 milhões gastos com voos
COMPARTILHE

Promotoria contabilizou voos sem a comprovação de interesse público durante o período em que Aécio Neves era governador de Minas.

O Ministério Público de Minas Gerais entrou com ação civil pública contra o tucano Aécio Neves por realizar 1.337 voos em aeronaves do estado sem comprovação de interesse público.

As viagens aconteceram no período em que ele ocupava o cargo de governador de Minas Gerais, segundo informações da UOL.

De acordo com a Promotoria, o prejuízo causado aos cofres públicos por Aécio Neves foi de R$ 11,5 milhões. Na ação, o MP pede o ressarcimento do valor e quer a indisponibilidade de bens do tucano.

Eleito deputado federal nas eleições de outubro, Aécio foi governador de Minas Gerais por dois mandatos. De 2003 a 2006 e de 2007 a março de 2010.

A Promotoria contabilizou neste período voos sem a comprovação de interesse público para cidades como Rio de Janeiro, onde o ex-governador mantinha apartamento, e Claudio, cidade do centro-oeste de Minas onde a família do tucano possui fazenda.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários

PUBLICIDADE