Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

MP pede que TRE suspenda registro de candidatura de Lindbergh

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Lindberg Farias
COMPARTILHE

A Procuradoria Regional Eleitoral no Rio (PRE-RJ) pediu nesta quarta-feira (5) que o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RJ) suspenda, em caráter liminar, a tramitação do pedido de registro de candidatura à reeleição do senador Lindbergh Farias (PT).

A Procuradoria quer quer a candidatura fique suspensa até que a Câmara Municipal de Nova Iguaçu aprecie as contas de quando ele era prefeito da cidade. O petista governou Nova Iguaçu de 2004 a 2010, quando renunciou para se candidatar a senador.

Em 21 de agosto, a PRE-RJ impugnou o registro de Lindbergh Farias. O Ministério Público entende que o senador deve ser enquadrado na Lei da Ficha Limpa porque o Tribunal de Contas do Estado (TCE) reprovou as contas de sua gestão na prefeitura do município.

No entanto, por determinação do Supremo Tribunal Federal (STF), a Câmara Municipal é o órgão competente para julgar as contas de prefeito, uma vez que o parecer do tribunal de contas tem caráter meramente opinativo. Segundo o MP, o processo está parado desde 2014.

Adaptado da fonte Globo
- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram