Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

MPF pede suspensão da licitação do novo autódromo do Rio

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
MPF pede suspensão da licitação do novo autódromo do Rio

A licitação estava agendada para acontecer nesta segunda-feira (20). MPF requereu a suspensão temporária do processo.

O Ministério Público Federal (MPF) moveu ação civil pública, contra o processo de licitação da prefeitura do Rio de Janeiro para a construção do novo autódromo da cidade.

Na petição, em caráter de liminar, o órgão requer a suspensão do processo até que seja apresentado e aprovado o Estudo Prévio de Impacto Ambiental (EIA/RIMA) pelo órgão ambiental licenciador, informa O Globo.

O procurador da República, Renato Machado, afirmou:

“A construção do autódromo na floresta de Camboatá é dada como certa pelo Poder Público nas três esferas de governo. Os terrenos também pertencem ao Exército Brasileiro e poderiam ser cedidos pela União ao município para a construção do Autódromo, nos mesmos termos propostos para a Floresta de Camboatá.”

E acrescentou:

“Ademais, a criação da Unidade de Conservação Municipal Floresta de Camboatá poderia ser uma das medidas compensatórias a serem implementadas pelos empreendedores.”

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email