Português   English   Español
Português   English   Español

MPF suspeita que Vale sabia de liquefação na barragem em Brumadinho

MPF suspeita que Vale sabia de liquefação na barragem em Brumadinho
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Relatos colhidos pelo Ministério Público Federal (MPF) indicam que, internamente, circulou na mineradora Vale a informação de que havia uma liquefação na barragem de Brumadinho, que se rompeu na última sexta-feira (25), deixando, até agora, 99 mortos.

As informações foram publicadas nesta quinta-feira (31) na coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo, e, caso confirmadas, podem literalmente “liquefazer” a companhia brasileira Vale.

A jornalista Daniela Lima diz que depoimentos colhidos pelo MPF ampliaram as suspeitas de procuradores de que a Vale e a empresa alemã que deveria auditar a estrutura da barragem de Brumadinho, cidade do estado de Minas Gerais, atuavam em conluio para omitir problemas na obra.

Segundo a repórter, “os investigadores veem indícios de que a mineradora apresentou documentos incompletos e maquiados”.

Por sua vez, a companhia alemã Tüv Süd pode não ter cumprido todo o protocolo de verificação da segurança do empreendimento.

Compartilhe...

Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
Share on reddit
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...

Curta a RENOVA!