MST e MTST estudam trancar estradas no dia 1º de fevereiro

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Extrema-esquerda pretende impulsionar campanha pelo impeachment de Bolsonaro.

O Movimento Sem Terra (MST) e outros grupos da extrema-esquerda realizarão uma plenária nesta terça-feira (26). 

A ideia é organizar uma série de protestos contra o presidente da República, Jair Bolsonaro, no dia 1° de fevereiro, dia de votação das presidências da Câmara e do Senado. 

O núcleo dos protestos será o impeachment de Bolsonaro. 

Entre as outras pautas estão a defesa das vacinas, a contraposição à reforma administrativa e a proteção às estatais. 

“MST e MTST pretendem propor um trancamento de estradas para esse dia”, diz o jornal Folha

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.