Museu da Alemanha não devolve fóssil contrabandeado do Brasil

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Museu da Alemanha se recusa a devolver fóssil contrabandeado do Ceará.

O fóssil do Ubirajara jubatus está depositado na Alemanha no Museum für Naturkunde Karlsruhe (SMNK).

Na última quarta-feira (8), a instituição se negou a devolver o fóssil ao Brasil.

A peça foi contrabandeada da Bacia do Araripe, no Sul do Ceará, de acordo com a Sociedade Brasileira de Paleontologia (SBP).

Em dezembro de 2020, o Ministério Público Federal (MPF) instaurou um procedimento para investigar a saída do fóssil do país.

É momento para que a comunidade paleontológica não esmoreça e continue a luta pela repatriação não só do espécime SMKN PAL 29241 como também de qualquer material retirado de nosso país de forma escusa, como o Palpimanidae, também do Crato, descrito esse ano pela Journal of Arachnology e que, até esse momento, não se manifestou quanto a ilegalidade do material. Essa luta também deve conter a contestação frequente dos fatos nas redes sociais além da indignação dentro do mundo acadêmico“, ressalta a SBP em nota à imprensa.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.