Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Não atacaria a Venezuela em segredo, diz Donald Trump

Os riscos de uma intervenção militar dos EUA na Venezuela
COMPARTILHE

“O governo não tem nada a ver com isso”, enfatizou Trump sobre ação paramilitar na Venezuela.

Donald Trump, presidente dos Estados Unidos, reiterou, nesta sexta-feira (8), que seu governo não participou de uma suposta conspiração na Venezuela para derrubar o ditador Nicolás Maduro.

Em entrevista à emissora Fox News, Trump foi enfático que teria uma abordagem completamente diferente caso quisesse retirar Maduro do poder.

O chefe da Casa Branca declarou:

“Se eu quisesse ir para a Venezuela, não faria isso em segredo. Entraria e não fariam nada a respeito. Dariam a volta. Não enviaria um pequeno grupo. Não, não, não. Seria um exército e isso seria chamado de invasão.”

Maduro denunciou que o governo Trump estava por trás de uma suposta operação marítima levada adiante entre 3 e 4 de maio por “mercenários” que planejavam tirá-lo do poder.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários