Não podemos errar com as escolas cívico-militares, diz Weintraub

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Weintraub anunciou que as escolas cívico-militares serão adotadas a partir do início de 2020.

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, postou uma mensagem no Twitter defendendo as escolas cívico-militares e anunciando que elas serão adotadas a partir do início do próximo ano letivo.

Inicialmente, 54 escolas serão incluídas em um projeto-piloto, mas a ideia do MEC é expandir consideravelmente o programa no futuro.

Weintraub pediu um “pouco de paciência” e afirmou que o governo sabe que não pode errar, pois há um “pequeno grupo de movimentos ideológicos tentando impedir” o programa.

“Há famílias oligarcas e movimentos políticos organizados esperando para inviabilizar o modelo com documentários, manifestações etc”, escreveu Weintraub.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.