- PUBLICIDADE -

Não recebi convite de Bolsonaro para assumir Saúde, diz Osmar Terra

Osmar Terra é o ministro da Cidadania
Imagem: Divulgação/ Agência Câmara

- PUBLICIDADE -

Terra faz parte do grupo de médicos que não concorda totalmente com as determinações da OMS sobre a crise do coronavírus.

O deputado federal Osmar Terra (MDB-RS) negou, terça-feira (7), ter recebido convite do presidente da República, Jair Bolsonaro, para voltar ao time de ministros do governo.

Semanas após deixar o Ministério da Cidadania, em meio à pandemia do novo coronavírus, o nome de Terra começou a ser ventilado para assumir o Ministério da Saúde no lugar de Henrique Mandetta

Terra disse que apenas foi chamado, nesta segunda-feira (6), por Bolsonaro para um almoço no Palácio do Planalto com o objetivo de discutir o uso da hidroxicloroquina no combate ao Covid-19, destaca o portal Terra.

Além de defender a utilização do medicamento, o deputado também concorda com Bolsonaro em relação ao relaxamento de medidas restritivas:

Em entrevista ao apresentador José Luiz Datena, Terra declarou:

“O que tenho afirmado é que essa quarentena não tem sentido. Está sacrificando a população, quebrando o país e não diminui o número de casos.”

E acrescentou:

“O vírus é uma força da natureza. Só vai diminuir o contágio quanto tiver metade da população contaminada. E só vai diminuir a epidemia quando chegar a 70%, 80% da população contaminada. Tem de proteger idosos e doentes. Juntar as pessoas em casa aumenta o contágio.”

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -