- PUBLICIDADE -

‘Não temos risco de desabastecimento local’, reforça ministra

Tereza Cristina é a nova ministra da Agricultura
Imagem: Reprodução/Agência Câmara
- PUBLICIDADE -

A informação é um alívio para muitos países que têm no Brasil um parceiro na venda de alimentos.

A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, afirmou, nesta sexta-feira (3), que todos os contratos de exportação de alimentos do Brasil serão atendidos, sem riscos de corte.

Em conversa com o jornal Estadão, Cristina também destacou o risco de desabastecimento causado pela pandemia do novo coronavírus:

“Não temos risco de desabastecimento local. Nossa situação é favorável. Vamos cumprir todos os contratos com outros países, em sua totalidade. Não temos nenhum motivo para se preocupar com isso. Todos os acordos internacionais não correm riscos.”

Na última quarta-feira (1), líderes da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO), Organização Mundial de Saúde (OMS) e Organização Mundial do Comércio (OMC) divulgaram um comunicado conjunto, para alertar que existe um risco de “escassez de alimentos” no mercado mundial, como noticiou a RENOVA.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -