PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Não vou ser interrogado pela imprensa, diz Bolsonaro

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

“Não vou me submeter a interrogatório por parte de vocês”, diz Bolsonaro a jornalistas.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, finalizou de forma abrupta, nesta sexta-feira (15), uma conversa com jornalistas na saída do Palácio da Alvorada, em Brasília.

Pressionado pela imprensa sobre a menção ao termo “PF” no vídeo da reunião ministerial do dia 22 de abril, Bolsonaro reclamou:

“Palavra ‘PF’. Duas letras. Tem a ver com a Polícia Federal, mas é reclamação “PF”, no tocante ao serviço de inteligência.”

Os trechos transcritos foram entregues ontem pela AGU (Advocacia-Geral da União) ao STF (Supremo Tribunal Federal). 

Como noticiou a RENOVA, o material mostra que Bolsonaro reclamou que não vinha recebendo informações das agências de inteligência e dos órgãos de segurança.

“E me desculpe o serviço de informação nosso – todos – é uma vergonha, uma vergonha, que eu não sou informado, e não dá pra trabalhar assim, fica difícil. Por isso, vou interferir. Ponto final. Não é ameaça, não é extrapolação da minha parte. É uma verdade”, disse Bolsonaro.

Revelou também que temia pela segurança da família e de amigos, pois o esquema de segurança pessoal, responsabilidade do GSI (Gabinete de Segurança Institucional), não estaria sendo executado de forma adequada.

Questionado hoje sobre as declarações, o mandatário se irritou com a imprensa:

“A interferência não é nesse contexto da inteligência, não. É na segurança familiar. É bem claro, segurança familiar, e não toco PF nem palavra ‘Polícia Federal’ na palavra segurança familiar….”

Bolsonaro ainda acrescentou que não se submeteria a “interrogatório” por parte dos jornalistas:

“Não vou me submeter a interrogatório por parte de vocês. Espero que a fita se torne pública para que a análise correta venha a ser feita.”

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.