Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Naufrágio no Triângulo das Bermudas revela seus segredos

Naufrágio no Triângulo das Bermudas revela seus segredos

“Este naufrágio é um testemunho da construção naval da época”, disse mergulhador que participou da exploração.

Os destroços do navio mercante SS Cotopaxi, que desapareceu no Triângulo das Bermudas, em 1925, estão começando a revelar seus segredos.

Em 29 de novembro de 1925, o navio a vapor partiu de Charleston, nos Estados Unidos, para Havana, em Cuba

A embarcação nunca chegou ao seu destino e os corpos dos 32 passageiros nunca foram recuperados.

Apesar de ter sido confirmado apenas recentemente que se trata do SS Cotopaxi, o local onde estão os destroços do navio é conhecido localmente há décadas como o Naufrágio do Urso. 

No ano passado, um grupo de exploradores subaquáticos e arqueólogos marítimos confirmou a identidade do navio ao examinar os destroços da embarcação.

Joe Citelli, mergulhador que participou da expedição, disse à emissora Fox News que ficou surpreso com a dimensão dos destroços e com o excelente estado de preservação.

“Normalmente, algo que existe há mais de 100 anos é uma pilha de entulho. Este naufrágio é um testemunho da construção naval da época”, disse Citelli.

O Triângulo das Bermudas tem sido uma fonte de fascínio desde que um amplo número de navios e aeronaves desaparecem ou se acidentaram por lá.

A região se estende por uma parte ocidental do Atlântico Norte, entre a Flórida, Porto Rico e Bermudas

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email