Português   English   Español

Negado pedido de Lula para suspender processo do terreno de instituto

Outro pedido da defesa, para esclarecimentos sobre laudo pericial envolvido no processo, também foi negado. Julgamentos no TRF-4 ocorreram nesta quarta-feira (7).

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), em Porto Alegre, negou pedido da defesa do presidiário Lula para suspender o processo referente ao terreno do Instituto Lula.

Essa é a segunda ação envolvendo o ex-presidente petista na Operação Lava Jato, e ainda não há uma sentença.

A ação penal apura se o ex-presidente recebeu um apartamento vizinho ao dele, em São Bernardo do Campo, como propina.

No último dia 4 de outubro, o MPF reforçou pedido de condenação em suas alegações finais. A apresentação das alegações finais é o último trâmite do processo antes da sentença do juiz, que não tem prazo para ser publicada.

Também na sessão desta quarta-feira (7), o TRF-4 negou outro pedido da defesa de Lula, em que pedia esclarecimentos sobre o laudo pericial da PF em relação a documentos informais da Odebrecht.

 

Adaptado da fonte G1

Twitter
WhatsApp
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

Deixe seu comentário

Veja também...