Português   English   Español
Português   English   Español

Nicarágua liberta ex-militar que assassinou estudante do Brasil

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Nicarágua liberta ex-militar que assassinou estudante do Brasil

A decisão foi tomada por juízes da primeira turma do Tribunal de Apelações de Manágua, na Nicarágua.

A Justiça da Nicarágua determinou, nesta terça-feira (23), a soltura do ex-militar Pierson Gutiérrez Solís, condenado a 15 anos de prisão por assassinar a estudante brasileira Raynéia Gabrielle Lima.

Os três integrantes do órgão usaram a polêmica Lei de Anistia, aprovada pelo regime de Daniel Ortega em junho deste ano, como argumento para libertar o homicida, de 42 anos, segundo a agência EFE.

A brasileira Raynéia, que cursava Medicina na Universidade Americana (UAM), foi ferida enquanto dirigia perto da casa do tesoureiro da Frente Sandinista de Libertação Nacional, Francisco López.

O crime ocorreu há um ano perto de uma universidade estatal que dias antes havia sido atacada por policiais e civis armados simpáticos ao regime Ortega.

A Lei da Anistia é criticada pela oposição nicaraguense sob o argumento que não oferece justiça às vítimas dos protestos contra o regime. O texto também se baseia na tese de que as manifestações foram uma tentativa de golpe de Estado.

Compartilhe_

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Comentários_

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Outras Notícias_

Newsletter

Inscreva seu email na RENOVA para receber atualizações diárias com as últimas notícias do Brasil e do mundo.

Nome:

Email: