Nicolás Maduro zomba da eleição na Colômbia

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

O ditador da Venezuela, Nicolás Maduro, comparou as eleições de domingo na Colômbia a “um programa cômico”, em referência à falta de cédulas, o que obrigou as autoridades eleitorais a recorrer a fotocópias.

Maduro declarou em rede nacional de rádio e TV nessa segunda-feira (12).

Me provoca risadas. Parece um programa cômico. Isto é a Colômbia. Santos, você é um cara de pau!

Maduro devolveu assim as críticas do líder colombiano, Juan Manuel Santos, às eleições presidenciais convocadas para 20 de maio na Venezuela, que o governo em Bogotá não reconhecerá diante da falta de garantias para a oposição venezuelana.

‘Santos fala em garantias eleitorais quando o sistema eleitoral na Colômbia é uma vergonha…’, disse Maduro.

De fato, a Missão de Observação Eleitoral da Organização dos Estados Americanos (OEA) constatou problemas por falta de cédulas suficientes para votar no domingo nas consultas internas partidárias na Colômbia.

A disponibilidade dessas cédulas “deveria ser garantida com antecedência para assegurar o direito ao voto e evitar o uso de soluções artesanais, como o de fotocópias“, apontou a missão.

A Procuradoria da Colômbia informou que abriu uma investigação ao órgão eleitoral pelo ocorrido.


Com informações de: [EM]

RENOVA Mídia precisa do seu apoio para continuar em funcionamento. Conheça nossa história e faça sua doação (boletou ou cartão) através da plataforma ApoiaSe. Clique AQUI e faça sua parte.


TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.