Português   English   Español

Nigéria desmobiliza quase 900 crianças soldados

Nigéria desmobiliza quase 900 crianças soldados
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

O conflito com o Boko Haram já matou mais de 27.000 pessoas desde 2009 na Nigéria. Até crianças estão sendo utilizadas para combater os jihadistas.


Quase 900 crianças soldados que integravam uma milícia apoiada pelo governo da Nigéria para combater os terroristas do Boko Haram foram desmobilizadas nesta sexta-feira (10).

A Força Operacional Civil Conjunta (CJTF, na sigla em inglês) é uma milícia criada em 2013 para proteger as comunidades dos ataques do grupo extremista islâmico em Maiduguri.

894 menores de idade integravam a milícia governista, incluindo 106 meninas.

Mohamed Fall, representante do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) para a Nigéria, declarou:

“Elas eram utilizadas por grupos armados em funções de combate ou não. Foram testemunhas de massacres e de violência.”

Segundo um relatório da Organização Internacional do Trabalho (OIT) de 2017, a Nigéria tinha mais de 15 milhões de crianças com entre 5 e 14 anos forçadas a trabalhar, “algumas das quais usadas como soldados em conflitos armados”.

Em comunicado, segundo a ISTOÉ, Fall acrescentou:

“Continuaremos a lutar até que não existam mais crianças nas fileiras dos grupos armados na Nigéria.”

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...