Nigéria entrega 183 crianças pertencente ao grupo terrorista Boko Haram

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

O Exército da Nigéria entregou nesta segunda-feira (9) à ONU 183 crianças suspeitas de pertencer à organização jihadista Boko Haram.

As crianças foram detidas em vários estados do nordeste do país afetado pela violência dos terroristas durante quase nove anos.

O grupo, formado por meninas e meninos, foi entregue a funcionários das Nações Unidas em Maiduguri, capital do estado de Borno.

No ato de entrega, o tenente-general Nicholas Rogers manifestou a esperança de que as crianças recebam “cuidados médicos adequados e apoio”.

Em comunicado, o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) afirmou que “a libertação ocorre depois que as crianças, de entre 7 e 18 anos, foram desvinculadas dos insurgentes do Boko Haram”.

O representante do UNICEF na Nigéria, Mohammed Fall, afirmou:

Estas 8 meninas e 175 meninos são, em primeiro e principal lugar, vítimas do atual conflito, e a libertação é uma passagem importante no seu longo caminho para a recuperação. Trabalharemos com o Ministério de Assuntos da Mulher e Desenvolvimento Social, assim como com nossos aliados, para proporcionar às crianças toda a ajuda necessária.

Depois de permanecer em custódia administrativa, “as crianças receberão atendimento médico e apoio psicosocial antes de começar o processo de reunificação com suas famílias e reinserção na sociedade”, precisou o comunicado.

 

Com informações do BOL

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.