Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch
Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch

Nova testemunha conecta PT com facada em Bolsonaro, diz advogado

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Nova testemunha conecta PT com facada em Bolsonaro diz advogado
Imagem: Bruno Santos

“Nós temos uma testemunha presencial que deteve Adélio Bispo, que o conduziu a um prédio”, disse o advogado.

Frederick Wassef, advogado do presidente da República, Jair Bolsonaro, confirmou, nesta segunda-feira (11), que uma nova testemunha do caso Adélio Bispo o procurou para apresentar novas informações.

Em setembro do ano passado, Adélio desferiu uma facada contra o então candidato presidencial Bolsonaro em Juiz de Fora, interior de Minas Gerais.

Durante participação no programa “Aqui na Band”, na emissora Bandeirantes, nesta segunda, o advogado Wassef, inicialmente, apresentou fatos previamente conhecidos do caso envolvendo a tentativa de homicídio contra Bolsonaro.

Logo em seguida, o advogado afirmou que uma testemunha nova o procurou e narrou fatos assustadores sobre o caso Adélio.

“Esta pessoa será conduzida à Procuradoria-Geral da República”, disse o jurista sobre a nova testemunha.

“Este indivíduo deteve o Adélio, este indivíduo gravou o Adélio. Outras testemunhas me procuraram e estão assustadas, com medo de assassinatos”, acrescentou.

“Doutor, quem está por trás disso foi o PT, isto foi encomendado. Houve pagamento. Houve premeditação para assassinar Jair Messias Bolsonaro”, disse Wassef, citando o depoimento de uma dessas novas testemunhas.

O advogado de Bolsonaro também teceu duras críticas contra o inquérito da Polícia Federal (PF) sobre a tentativa de assassinato praticada por Adélio.

Wassef também citou ligações do delegado da PF, que conduziu a investigação, com o ex-governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel, do Partido dos Trabalhadores (PT).

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email