Novo ataque do Talibã mata piloto do Afeganistão

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Atacar pilotos é uma tentativa do Talibã de destruir tropas militares do Afeganistão.

Um piloto da Força Aérea do Afeganistão foi morto por uma bomba em um distrito de Cabul, neste sábado (7), em mais um ataque reivindicado pelo Talibã.

O piloto morto, Hamidullah Azimi, estava em trânsito quando uma bomba presa ao seu veículo disparou. Cinco civis ficaram feridos na explosão.

Azimi era treinado em helicópteros UH 60 Black Hawks fabricados pelos Estados Unidos, destacou o comandante da Força Aérea afegã, Abdul Fatah Eshaqzai.

O piloto havia se mudado para Cabul com a família um ano atrás devido a ameaças à sua segurança.

O porta-voz do Talibã, Zabihullah Muhajid, afirmou, em um comunicado, que o grupo terrorista havia realizado o ataque.

O representante do Talibã ainda confirmou a existência de um programa que “visaria e eliminaria” pilotos afegãos treinados pelos EUA.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.