Novo juiz da Lava Jato retoma ação contra Mantega

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Dois dias após assumir os processos da 1ª instância da Lava Jato no Paraná, o juiz Luiz Antônio Bonat retomou a ação penal contra Guido Mantega.

Nesta ação, Guido Mantega é acusado pelo Ministério Público Federal (MPF) trocar duas medidas provisórias que beneficiaram a Braskem, que pertence à Odebrecht, por uma propina de R$ 50 milhões.

O caso ficou paralisado por cinco meses após a defesa de Mantega entrar com uma liminar no Supremo Tribunal Federal (STF) para suspender seu andamento.

A justificativa era de que tratava-se de um caso que deveria ser julgado pela Justiça Eleitoral.

Na época, o ministro Dias Toffoli concordou, e estendeu a suspensão da ação também aos marqueteiros Mônica Moura e João Santana.

O juiz pediu para que o MPF manifeste sua posição sobre o empresário Marcelo Odebrecht que também é réu nesta ação e colaborador da justiça, registra a VEJA.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.